SELECIONE O IDIOMA: English English Portuguese Portuguese Spanish Spanish

Criogerador StirLNG-4


O SISTEMA STIRLNG-4 PERMITE PRODUZIR GNL EM MICRO ESCALA DESDE 2 TON/DIA ATÉ 20 TON/DIA

Criogerador StirLNG-4

O SISTEMA STIRLNG-4 PERMITE PRODUZIR GNL EM MICRO ESCALA
DESDE 2 TON/DIA ATÉ 20 TON/DIA

TECNOLOGIA STIRLING

Por mais de sessenta anos, a STIRLING CRYOGENICS projeta e fabrica sistemas de liquefação de gás, atendendo clientes em todo o mundo sob todas as condições possíveis. Essa experiência é incorporada em nossos criogeradores de metano chamados StirLNG. Eles têm três campos de aplicação específicos:

  1. Produção em micro escala de GNL a partir de uma fonte de gás purificada, como de gasoduto ou biometano;
  2. Re-liquefação do gás de boil-off para compensar as perdas em um sistema criogênico (tanques de estocagem, postos de GNL, etc.);
  3. Re-liquefação de gases de boil-off de navios cargueiros de gás natural. O StirLNG-4 está disponível em versão adaptada especificamente para uso marítimo.

A potência de resfriamento do StirLNG é criada pelo chamado Ciclo Reverso de Stirling: compressão e expansão do gás hélio em ciclo fechado por pistões mecânicos. O gás a ser liquefeito não é usado para criar esse frio, ele flui a través de um trocador de calor e frio, onde a energia é extraída e o gás assim, se liquefaz. O gás terá uma mudança de fase única e não há diferença de pressão entre o gás e o liquido.

PRODUÇÃO DE GNL COM STIRLNG-4

O StirLNG-4 é o criogerador adaptado especificamente para produção e liquefação em micro escala de GNL. Dependendo da pressão do gás, o StirLNG-4 produz cerca de 1 Ton/dia de GNL (720 gal/dia). O criogerador Stirling opera de forma independente, acionado por motor elétrico e possui sua própria unidade de controle. Gás metano, com uma pressão maxima de 20 barg (290 psi), proveniente de poço, biometano ou gasoduto, alimenta o criogerador. Na cabeça fria, a energia é extraída do gás ate que ele seja liquefeito. Por gravidade, o líquido formado é drenado para um tanque de armazenamento (intermediário) para uso posterior.

COMPOSIÇÃO DO GÁS METANO PARA LIQUEFAÇÃO

  • Fluxo principal: CH4
  • CxHy (C2 a C4) <10%
  • CxHy (C5 +) <1 ppm
  • CO2 dependendo das condições de GNL
  • H2O <-70ºC ponto de orvalho
  • H2S <3,3 ppm
  • Teor de óleo <0,01 mg / m3
  • Partículas <0,1 mícron
  • N2 / O2 <10%