Unidade de Transporte GNC – Longway



A Igás Engenharia, do Grupo Igás, desenvolveu e projetou a Unidade de Transporte GNC – Longway™, para armazenagem e transporte de Gás Natural Comprimido, usando cilindros de alta pressão Ultra-leves construídos em Alumínio e revestidos com Fibra de Carbono (Type III) o que faz com que tenha grande resistência estrutural e seu peso seja reduzido. Os mesmos são construídos sob a Norma ISO 11439.

Os cilindros estão montados horizontalmente em apoios construídos de alumínio, e sobre buchas de nylon nas extremidades, a fim de permitir sua livre expansão e contração durante os ciclos de abastecimento e descarga. Estes cilindros estão interligados com Manifolds de aço inoxidável que amortecem as vibrações durante o transporte do conjunto, além disso, o conjunto está protegido com um sistema de sensores de temperatura, que liberam o GN quando se atinge a temperatura de 110°C.
Todos os módulos estão protegidos com chapas de aço, revestidas com fibra cerâmica para proteção contra o Fogo e os Raios UV.

Na parte posterior da Unidade, se encontra o Painel de Operações que contêm manômetros, válvulas de alívio e conexões rápidas. Além disso, possui um sistema de segurança que impede que a Unidade se movimente enquanto a mangueira esta engatada ou a porta do painel está aberta.
 
- CONJUNTO TRANSPORTADOR -
•    Capacidade - 144 Cilindros (Type III);
•    Rack’s - 4 Módulos;
•    Peso Bruto - 33.000 KG (Cilindro cheio);
•    Peso Líquido - 21.820 KG;
•    Capacidade Útil (m³) - 13.500 m³ de GNC;
•    Segurança - Válvulas de Bloqueio e de Alívio em cada Módulo;
•    Pressão de Trabalho - 250 Bar;
 
- DISPOSITIVOS DE SEGURANÇA -
Para proteger contra os aumentos de pressão e as altas temperaturas, as válvulas de todos os cilindros possuem um disco de ruptura e tempões fusíveis que são acionados quando a pressão supera os 333 Bar ou as temperaturas superiores aos 110°C.
Como componente diferencial, se destaca a utilização de válvulas de segurança que possuem “tubos” sensores de altas temperatura, que provocam a liberação imediata do Gás, caso necessário. Há no painel de operações, 1 (uma) válvula de alívio de pressão, e mais 3 (três) válvulas por módulo localizadas em cada tronco de interconexão. Estas, são acionadas quando se supera os 250 Bar de pressão.
 
- HOMOLOGAÇÃO -
•    Portaria N° 25, de 20 de Janeiro de 2010 – Dispõe sobre as modificações de veículos previstos;
•    Portaria N° 190, de 29 de Junho de 2009 – Estabelece o procedimento para a concessão do código de Marca/Modelo/Versão de veículos do Registro Nacional de Veículos Automotores (Renavam);
•    Portaria N° 279, de 15 de Abril de 2010 - Altera o Anexo II, da Resolução N° 291, de 29 de Agosto de 2008, Conselho Nacional de Transito – CONTRAN, que dispõe sobre as transformações de veículos sujeitos a homologação compulsória.;
•    CIV - Certificado de Inspeção Veicular;
•    CIPP - Certificado de Inspeção para Transporte de Produtos Perigosos.